Página Inicial / Fiscalização / Força-tarefa de Segurança Pública coordena apreensão de mais de uma tonelada e meia de maconha, um homem foi preso em flagrante por tráfico de drogas

Força-tarefa de Segurança Pública coordena apreensão de mais de uma tonelada e meia de maconha, um homem foi preso em flagrante por tráfico de drogas

4d3b035d-bbc4-45f1-a161-4086496756d3.jpg
44687c7f-fa10-4507-b0ff-644f3421335d.jpg

Uberlândia/MG – A Força-tarefa de Segurança Pública em Uberlândia/MG, coordenada pela Polícia Federal e integrada pelas Polícias Militar, Civil, Rodoviária Federal e Penal, articulou no último final de semana ação policial que resultou na apreensão de mais de 1.500 kg de maconha.

Investigações realizadas pela FTSP/UDI/MG revelaram que um significativo carregamento de drogas era transportado do estado do Mato Grosso do Sul para Uberlândia/MG.

As informações foram transmitidas para as Polícias Militares Rodoviárias do Estado do Mato Grosso do Sul e de Minas Gerais com o pedido de apoio operacional para localizar e abordar os veículos suspeitos.

Foi apurado durante as diligências que uma camionete conseguiu se evadir de uma barreira de fiscalização montada próxima à entrada da cidade mineira.

Equipes da Força Tarefa e do Guardião Tático Móvel da PM/MG iniciaram buscas ao veículo suspeito.

Ele foi localizado em chácara na zona rural de Uberlândia algumas horas após a fuga.

Os policiais identificaram que o veículo estava carregado com tabletes de substância análoga à maconha, perfazendo um total de 1.638 kg.

O proprietário da chácara foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, previsto no art. 33 da Lei 11.343/2011, e encaminhado à Delegacia da Polícia Federal em Uberlândia. Caso ele seja condenado, poderá cumprir até 15 anos de reclusão mais multa.

Fonte/Foto: Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

Você pode Gostar de:

AGORA: Polícia Federal realiza operação em todo o País no combate ao abuso sexual infantil

Recife/PE – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (3/12) a Operação LOBOS II, a qual …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *