Página Inicial / Geral / PF deflagra operação no Rio para apurar desvios que ultrapassam R$ 6 milhões de reais de recursos públicos da Saúde

PF deflagra operação no Rio para apurar desvios que ultrapassam R$ 6 milhões de reais de recursos públicos da Saúde

Operação Skal RJ.jpg

Volta Redonda/RJ – Na manhã desta quarta-feira (15/12), a Polícia Federal deflagrou a operação SKAL, para combater o desvio de recursos públicos federais no município de Barra do Piraí, região sul do Estado do Rio de Janeiro.

Na ação, cerca de 120 policias federais cumprem 4 mandados de prisão temporária e 19 mandados de busca e apreensão, nas cidades de Barra do Piraí, Vassouras, Magé, Nova Iguaçu, Duque de Caxias, São João de Meriti e na capital Rio de Janeiro.

A investigação é fruto do trabalho conjunto entre a Polícia Federal e o Ministério Público Federal e teve início ainda no ano de 2018, com base em denúncias sobre desvios de recursos públicos em obras realizadas em hospitais locais.

Ao longo dos trabalhos, ficou evidenciado que servidores municipais estavam atuando em conjunto com empresas para desviarem recursos destinados à saúde do município, principalmente por meio de hospitais privados, mas que atendem à população por meio de convênio com o Poder Público.

Entre os investigados, encontram-se servidores do alto escalão da Secretaria da Saúde Municipal de Barra do Piraí, agentes dos principais hospitais conveniados locais, além de empresas de outras regiões do Estado.

Os repasses que são objeto de investigação ultrapassam a casa dos R$ 6 milhões de reais, e os investigados poderão responder pelo crime de peculato, corrupção passiva e associação criminosa, sem prejuízo de outros relacionados que podem surgir no decorrer da investigação.

Fonte/Foto: Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

Você pode Gostar de:

Coreia do Norte dispara mais dois mísseis, é o quarto lançamento de armas neste mês

A Coreia do Norte disparou na segunda-feira (17) para o mar o que se suspeita …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *