Página Inicial / Geral / TEXTO E VÍDEO: Verão deverá ser de chuva irregular, Inmet passou a divulgar previsão climática pelos próximos seis meses, veja

TEXTO E VÍDEO: Verão deverá ser de chuva irregular, Inmet passou a divulgar previsão climática pelos próximos seis meses, veja

Depois de uma primavera chuvosa, boa parte do Centro-Sul terá um verão de chuvas irregulares, com meses de seca alternando-se com períodos chuvosos.

No Centro-Norte, a região do Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia) também sofrerá momentos de falta de chuva no verão.

As previsões foram divulgadas pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), que apresentou, pela primeira vez, a tendência de chuvas e de temperaturas para os próximos seis meses em todo o país.

Até agora, o órgão fornecia apenas a previsão climática para cada trimestre.

Foram apresentadas as projeções climáticas entre novembro e abril. As estimativas serão atualizadas mensalmente e seguirão uma média móvel semestral.

No próximo mês, serão divulgadas as previsões entre dezembro e maio. Em janeiro, as estimativas irão até junho.

Chuva

Segundo o Inmet, novembro tem se caracterizado por muita chuva no Centro-Norte e chuvas abaixo da média para a Região Sul. As projeções apontam a manutenção desse padrão até o fim do mês.

Em dezembro, a previsão indica chuva entre 10 milímetros e 50 milímetros abaixo da média no Rio Grande do Sul, oeste de Santa Catarina, norte de Minas Gerais, Acre, sudoeste do Amazonas e no Matopiba.

Nas demais áreas, as chuvas deverão ficar próximas ou ligeiramente acima da média.

Em janeiro, o Inmet prevê chuvas abaixo da média em Goiás, em Minas Gerais, no Distrito Federal, no Espírito Santo, centro do Mato Grosso do Sul, sul e leste de Tocantins, sul do Piauí e na Bahia (exceto no leste do Estado). O Sul poderá ter chuvas ligeiramente acima da média, assim como o estado de São Paulo e a faixa norte do Brasil.

Para fevereiro, o modelo indica chuvas irregulares em praticamente toda a faixa central e a Região Sul. Determinadas áreas do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina deverão ter chuvas abaixo da média.

Em março e abril, as chuvas deverão continuar abaixo da média no Sul. Também deve chover menos que o esperado no Mato Grosso do Sul e no sul do Mato Grosso. Outras áreas, no entanto, poderão ter chuva acima da média, como Amazonas, Roraima, Pará, Piauí e centro e sul do Ceará.

Também há tendência de chuva maior que o normal no sul de Minas Gerais e norte de São Paulo, onde se concentram reservatórios importantes para o setor elétrico.

VEJA !

Temperatura

Em relação à temperatura média para os próximos seis meses, o Inmet estima que a área central do Brasil ficará até 1°C acima da média entre dezembro e fevereiro. No Sul, as temperaturas deverão permanecer próximas da média no mesmo período.

Em março e abril, há tendência de temperaturas de normal a acima da média para praticamente todo o Sul, o que reduz as previsões de geada no início do outono.

Segundo o Inmet, o novo modelo de divulgação, baseado no comportamento da atmosfera e nos dados de mais de 750 estações meteorológicas automáticas e convencionais, facilita a tomada de decisões pelo produtor rural, define o planejamento da geração de energia hídrica e ajuda a estimar a viabilidade do transporte fluvial nas principais bacias hidrográficas do Brasil.

Fonte: Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil – Brasília Foto: © Marcello Casal JrAgência Brasil

Você pode Gostar de:

24/11 AGORA: Brasil e Paraguai acertam conclusão de ponte para ligar os dois países

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu nesta quarta-feira (24) com seu homólogo paraguaio, Mario Abdo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *